Eu gosto de gente que vai e volta – sem cobranças a fazer

distancia-e-saudade

Eu gosto de gente que vai, mas quando volta, sabe reocupar o seu lugar. Gente que não deixa a distância apagar tudo que foi vivido. Eu gosto de gente que quando reencontramos, depois de um longo tempo, não tem cobranças a fazer, mas sim abraços a dar. Gente que nos recebe como o caloroso amor de sempre. Gente que sabe preservar até o carinho na fala. Gente que sabe que por muito se ausentar, não deixará de fazer falta, pois acredita na força do amor.

Eu gosto de gente que não deixa a distância apagar a amizade e não usa a distância como desculpa para deixar que o amor morra. Eu gosto de gente que sabe guardar o amor à distância.

Gente que não precisa de telefonemas pra saber que continua morando no coração. Gente que não precisa de e-mails pra saber que nada mudou. Gente que sabe que a distância traz saudade, mas encara a saudade com naturalidade, pois assim como a saudade sempre vem, o amor sempre volta – sem cobranças a fazer.

Compartilhe